DEPEN

1 - Notícias

20/02/2020

Presos da Cadeia Pública de Pato Branco são transferidos para Penitenciária de Francisco Beltrão

A regional de Francisco Beltrão do Departamento Penitenciário do Paraná (Depen), que compreende a região sudoeste do estado, remanejou 100 presos condenados da Cadeia Pública de Pato Branco (CPPB) para a Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão (PEFB). A ação, que ocorreu nesta quarta-feira (19/02), foi uma das medidas tomadas para melhorar as condições de custódia nas carceragens.

“A partir de agora, será analisado processo a processo para verificar se há algum interno que possa receber progressão de pena, para já encaminhar à Vara de Execução Penal, para que possam ser contemplados com regime semiaberto ou semiaberto harmonizado, com o uso de tornozeleira eletrônica”, explicou o coordenador da região, Antonio Marcos Camargo de Andrade.

Ele ressalta que a operação de transferência, que contou com a participação de policiais militares, além agentes penitenciários e agentes do Setor de Operações Especiais (SOE), é um exemplo de cuidado que o Departamento Penitenciário está tendo com as cadeias públicas no sentido de reduzir a superlotação carcerária no estado.

No ano passado, o Poder Judiciário, por meio do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas do Estado do Paraná (GMF), analisou mais de 11,3 mil processos de execução penal em mutirões carcerários em todo o estado. O resultado disso foi a concessão de beneficio de progressão de pena a quase 6,5 mil presos. Sendo que 903 receberam alvarás de soltura e outros 1,9 mil passaram ao regime semiaberto harmonizado, ou seja, com o uso de tornozeleira eletrônica.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.